×

Participe do
Processo Seletivo 2016.2

Veja como é fácil:

Guia de Cursos

Tudo Sobre o Curso de Administração

ADMINISTRAÇÃO: GRADE CURRICULAR, CARREIRA E SALÁRIO

 

Saiba a diferença entre Administração e Ciências Contábeis, confira a média salarial, a grade curricular e as principais funções de um administrador

 

A graduação em Administração é uma das mais requisitadas pelos alunos. Segundo dados divulgados pelo Guia dos Estudantes, no ano de 2014, o curso de Administração foi o mais ofertado pelas faculdades nacionais, chegando a cerca de 1.700 bacharelados.

Isso acontece porque o profissional graduado em administração tem espaço em praticamente qualquer tipo de negócio. Seja na área de vendas, no setor de compras, no controle de qualidade, no financeiro, entre outros departamentos de uma empresa privada, pública ou sem fins lucrativos.

Trata-se de um profissional que vai trabalhar, quase sempre, com números e planilhas. Dependendo da função exercida, será um trabalho mais mecânico, como alimentação de planilhas e conferência de dados, por exemplo. Em outros casos o trabalho é mais analítico, como definição de padrões, além de estudos e análises de mercado.

Na prática, são profissionais que se encaixam em inúmeros segmentos do mercado. Há administradores que atuam com a área de marketing. Outros com a área de tecnologia, assim como, em alguns acasos, com o RH, setor de vendas, entre outros departamentos. Em outras palavras, é uma profissão que dá suporte para o surgimento, tração, maturidade e sobrevida de diversos setores do mercado.

Se você está em dúvida sobre qual curso escolher, o UniÍtalo vai te ajudar a entender como funciona o curso de Administração. Acompanhe.

1.Como funciona a carreira de Administração

2.Administração ou Ciências Contábeis?

3.Expectativa salarial

4.Grades Curriculares

5.Concluiu o curso de ADM? Veja as carreiras que poderá seguir

 

Como funciona a carreira de Administração?

Os alunos que se formam em Administração tendem a ir para dois principais segmentos: Marketing e Recursos Humanos. O curso de administração é muito amplo, seu principal objetivo é dar subsídios básicos para o profissional conseguir se virar em inúmeras áreas.

O aluno deve ter algumas vocações, ou, pelo menos, algumas predisposições, como: matemática financeira, estatística, contabilidade e análise de números no geral. Com isso, o profissional terá como lidar com consultoria, gestão, implementação de projetos, operação de valores e formulações matemáticas para negócios de diferentes contextos.

Normalmente, os administradores desenvolvem funções como:

  • Análise de dados e de mercado
  • Planejamento
  • Alocação de recursos
  • Tomada de decisões (liderança/ gestão)
  • Solução de problemas

A situação do mercado hoje é simples: as faculdades geram mais alunos que o mercado pode acolher. Por isso, se você se formar sem nenhuma experiência na área, sem ter feito estágio, por exemplo, as dificuldades de inclusão serão maiores.

A recomendação é para que o aluno ingresse no curso e, na medida em que conquistar um pouco de confiança, já comece a fazer um estágio. Um curso pós-graduação também é ótima estratégia para ganhar visibilidade no mercado. Tanto com o estágio quanto com a pós, o UniÍtalo consegue ajudar o aluno fazendo a “ponte” entre estudantes e mercado de trabalho.

Algumas faculdades exigem estágio supervisionado, mas não é regra.

Além da graduação, a área de Administração também oferece alguns tecnólogos que, embora mais simples e abrangentes, não deixam de ser opções para quem pretende abrir um negócio ou administrar empresas.

Administração ou Ciências Contábeis?

O aluno que se forma em Ciências Contábeis, normalmente está preparado para trabalhar em qualquer área econômica. Esse profissional não tem como principal objetivo o produto de uma empresa, mas, sim, a análise e definição da movimentação financeira.

No curso de Administração há a matéria contabilidade, ou seja, a área de contábeis é concomitante com administração - se completam. Uma graduação em Administração também prepara o aluno, de forma mais abrangente, para atuar em qualquer área econômica.

A seguir, entenda essa diferença de forma mais detalhada.

Administração

O administrador é mais voltado para otimização de processos. Em outras palavras, ele é mais focado em organizar o trabalho, em diversas áreas, com o objetivo de maximizar a produtividade de empreendimentos.

É um profissional que toda empresa necessita, até mesmo pela abrangência da área.  Até por isso o curso de Administração é o que mais forma profissionais em todo o Brasil.

Ciências Contábeis

Por outro lado, o contador é responsável pelo controle do fluxo financeiro, análise das operações, controle das receitas, dos tributos e taxas. Na prática, o curso é bem voltado para cálculo, além de conhecimentos em legislação fiscal e comercial.

Diferentemente de Administração, a contabilidade se restringe muito mais a cálculos matemáticos e controle de operações financeiras, enquanto o administrador tem mais liberdade para liderar e pender para áreas mais humanas como Marketing e RH, por exemplo.

3. Expectativa Salarial

Tratando-se de um curso com alta procura, cujo mercado também possui alta demanda, a tendência é de que a expectativa salarial reduza, uma vez que há disponível muita mão de obra qualificada. No entanto, por mais que existam muitos administradores no mercado, essa é uma profissão essencial para qualquer tipo de negócio ou organização, o que a torna valorizada.

A média salarial pode ser dividida em 3 fases de profissionais, em pequenas, médias ou grandes empresas: 1) Recém-formados; 2) Intermediários (gerentes); e 3) No auge da carreira (diretores), acompanhe.

Recém-formados

Pequenas e médias empresas: Entre R$ 2 mil e R 3 mil

Grandes empresas: De R$ 3 mil a R$ 4 mil

Intermediários (Gerentes)

Pequenas e médias empresas: Entre R$ 5 mil e R$ 10 mil

Grandes empresas: De R$ 10 mil a R$ 18 mil

No auge da carreira (Diretores)

Pequenas e médias empresas: Entre R$ 12 mil e R$ 18 mil

Grandes empresas: De R$ 18 a R$ 25 mil

O CFA (Conselho Federal de Administração) recomenda pelo menos R$ 2,7 mil para o profissional que está iniciando a carreira. Já profissionais com pelo menos 3 anos de experiência, o recomendável é um salário aproximado a R$ 5 mil.

Esses números podem mudar de acordo com a empresa, desde uma startup e uma multinacional até o nível de especificação de cada profissional (graduado, pós-graduado, cursos extracurriculares etc.).

4. Grades Curriculares

As disciplinas básicas de Administração são fornecidas igualmente em praticamente todas as universidades, variando apenas algumas matérias. Nesse sentido o UniÍtalo está bem preparado, possibilitando que o aluno tenha acesso a todas as disciplinas básicas, além de algumas extras, o que deixa a grade curricular mais densa, dando mais subsídio aos alunos.

Abaixo, confira as principais matérias que um aluno em Administração acaba absorvendo:

  • Matemática aplicada
  • Estatística Aplicada
  • Cenários Econômicos e Financeiros de Mercado
  • Fundamentos de Gestão de Pessoas
  • Fundamentos de Gestão de Marketing
  • Análises Estatísticas
  • Psicologia Organizacional
  • Sistemas de Informações Gerenciais
  • Direito Empresarial
  • Direito Social, Trabalhista e Previdenciário
  • Operações Financeiras e Mercado de Capitais
  • Contabilidade Societária Empresarial
  • Empreendedorismo e Liderança Sustentável
  • Contabilidade de Custos
  • Contabilidade Tributária
  • Contabilidade Social e Ambiental
  • Administração Financeira e Orçamentária
  • Gestão de Custos e Formação de Preço
  • Estrutura das Demonstrações Contábeis
  • Contabilidade Avançada

 

As matérias supracitadas são apenas as principais, ou seja, que praticamente todo aluno de Administração é submetido. É importante ressaltar que algumas disciplinas podem ter diferentes nomes de acordo com a universidade, mas o conteúdo teórico é o mesmo.

5. Concluiu o curso de ADM? Veja as carreiras que poderá seguir

Como já especificado ao longo deste artigo, um profissional da área de Administração tem espaço em praticamente todos os setores de uma empresa ou organização. Desde o marketing até RH, contabilidade, controle de estoque etc.

Portanto, é inviável descrevermos todas as possibilidades de atuação. Mas separamos 5 áreas muito requisitadas em administração. Lembre-se que criar sua própria empresa e partir para o empreendedorismo também é uma opção viável, já que um profissional de Administração tem os pré-requisitos necessários para ingressar no próprio negócio.

Agronegócio ou Agropecuária

Trata-se de duas das áreas mais influentes do Brasil. O administrador vai planejar e gerenciar as atividades de uma propriedade rural, definindo estratégias para serem usadas nas safras. Atua desde com rebanhos até com produção agrícola. Na prática, faz a organização de todo o negócio, estabelecendo números de funcionários necessários para cada safra, calcula custos, entre outras atividades.

Ciências Contábeis

Por mais que exista um curso específico para contabilidade, o administrador também tem capacidade para trabalhar com diversos assuntos financeiros que envolvem cálculos matemáticos. Ele planeja, coordena, analisa e controla todos os fluxos financeiros do negócio. É um profissional responsável por ajudar na tomada de decisões através de embasamentos numéricos.

Marketing

O administrador só precisa ser “brifado” pela equipe de marketing sobre o foco da campanha. Desta forma, ele pode assumir a parte matemática, e de gerenciamento do projeto, estimulando os pré-requisitos necessários para venda do produto, aproveitando as carências do mercado. Trata-se de um trabalho em conjunto - marketing e administradores - sendo que cada área serve como subsídio a outra.

Logística

O profissional de Administração também pode atuar na área de Logística, embora já exista um tecnólogo específico para essa área. Assim, ele avalia, projeta e implementa compras de suprimentos, sistemas de transporte, entrega de produtos, entre várias outras atividades que envolvem o bom funcionamento de todo um sistema financeiro.

Negócios Imobiliários

O mercado imobiliário é um cenário macroeconômico muito rico para profissionais que trabalham com análises financeiras, projeções de valores e administração de lucros. O administrador analisará as vantagens e desvantagens na venda de um imóvel, além da compra, permuta, administração e locação. Também existe um tecnólogo chamado “Negócios Imobiliários”, contudo, administradores têm se dado bem nessa área.



voltar
X

Inscreva-se já!

*caso não esteja trabalhando, sinalize.